Maximizando as vendas de CPG: aproveitando a automação da força de campo e estratégias de pré-venda

Todas as manhãs, nos supermercados, os agentes da força de campo andam pelas lojas com seus tablets, verificando o estoque e fazendo pedidos de produtos com pouco estoque. Essas pessoas são chamadas de pré-vendedores, que desempenham um papel importante na geração de demanda e na previsão de vendas antes mesmo de vender.

Como fabricante de bens de consumo embalados (CPG), existem várias estratégias que você deve considerar para aumentar as vendas. A pré-venda pode ser uma opção interessante para algumas empresas, especialmente para produtos de curta duração. No entanto, sua eficácia pode variar dependendo das circunstâncias específicas. Aqui estão alguns recursos comuns para incorporar em seu software de automação de força de campo para ajudar a aumentar as vendas como fabricante de CPG:

1. Marketing e Publicidade

Invista em campanhas de marketing direcionadas para aumentar o conhecimento da marca e atingir seu público-alvo. Utilizar vários canais como redes sociais, anúncios online, televisão, rádio e mídia impressa para promover seus produtos de forma eficaz é uma ótima ideia para aumentar o alcance entre os consumidores finais. No entanto, como fabricante, você deve se concentrar em aumentar o reconhecimento da marca entre os distribuidores e pontos de venda que podem ajudar a impulsionar suas vendas. Um canal dentro do seu aplicativo de força de campo ajudará você a alcançar seus maiores vendedores com um único clique.

cpg-data-analytics

2. Embalagem e design do produto

Melhore a embalagem e o design do seu produto para atrair a atenção dos consumidores e criar uma imagem de marca positiva. Embalagens atraentes podem ajudar a diferenciar seus produtos nas prateleiras das lojas e aumentar seu apelo. Renovar as embalagens dos produtos sem a publicidade certa e o conhecimento das mídias sociais é um tiro certeiro para o fracasso. Ter módulos de marketing integrados ajudará a conseguir promoções facilmente.

3. Colocação de produtos nos corredores

Trabalhe em estreita colaboração com os varejistas para garantir espaço de prateleira proeminente e displays nas extremidades. Garanta que seus produtos estejam posicionados estrategicamente nas lojas, tornando-os facilmente acessíveis e visíveis para os clientes. Fatores-chave como posicionamento ao nível dos olhos e espaço de prateleira alocado centralmente são essenciais para as marcas. Os clientes podem ver e retirar os produtos com mais rapidez nos corredores, aumentando as vendas.

4. Estratégias de preços e promoções

Avalie sua estratégia de preços para se manter competitivo no mercado. Considere oferecer descontos, cupons, programas de fidelidade ou pacotes de ofertas para incentivar compras e atrair novos clientes. Acima de tudo, manter preços relativamente semelhantes aos dos concorrentes ajuda seus clientes a escolher sua marca em vez dos concorrentes, considerando recursos e ofertas mais relevantes.

5. Presença online e comércio eletrônico

Estabeleça uma forte presença online por meio de um site envolvente e canais de mídia social ativos. Abrace o comércio eletrônico vendendo seus produtos por meio de sua loja online ou fazendo parceria com plataformas de comércio eletrônico estabelecidas. Fazer com que a DMS Software integre os estoques de diferentes canais evitará situações de falta de estoque, aumentando a capacidade de vendas.

6. Insights baseados em dados

Aproveite a análise de dados para obter insights sobre o comportamento do cliente, tendências de mercado e preferências. Use esses insights para adaptar suas estratégias de marketing e ofertas de produtos para obter o máximo impacto. Ter uma tecnologia integrada baseada em dados ajudará a fornecer insights em tempo real que ajudam as organizações a tomar melhores decisões.

cpg-data-analytics

Vantagens na pré-venda

A pré-venda permite gerar receita e avaliar o interesse do cliente antes do lançamento oficial do produto. No entanto, requer planejamento e execução cuidadosos. Você deve comunicar a proposta de valor de forma eficaz, oferecer incentivos aos primeiros usuários e garantir um processo contínuo de entrega do produto. A pré-venda é particularmente adequada para produtos altamente esperados, edições limitadas ou produtos com bases de clientes fiéis. Considere seu mercado-alvo, tipo de produto e estratégia geral de marketing para determinar se a pré-venda está alinhada com seus objetivos de negócios e expectativas do cliente.

Os pré-vendedores podem ser um grande fenômeno comercial para aumentar as vendas de categorias de bens de consumo por vários motivos:

1. Gerando buzz e antecipação

A pré-venda cria entusiasmo e expectativa entre os consumidores. Você pode gerar buzz e criar entusiasmo em torno de seus produtos, permitindo que os clientes comprem produtos antes do lançamento. Esse maior interesse pode se traduzir em aumento nas vendas assim que o produto estiver disponível. Os fabricantes podem promover perfeitamente seus produtos mais recentes para distribuidores e lojas de varejo usando recursos como conteúdo digital.

2. Fluxo de Caixa e Geração de Receita

A pré-venda permite gerar um pipeline de receita e fluxo de caixa antes do lançamento real do produto. Essa previsão ajuda a analisar de forma eficaz diferentes custos indiretos, custos de produção, despesas de marketing e outras necessidades operacionais. Como a maioria das empresas de CPG trabalha com esquemas de crédito, isso não significa necessariamente receita antecipada.

3. Previsão de Demanda e Gestão de Estoque

A pré-venda fornece informações valiosas sobre a demanda por seus produtos de consumo. Ao monitorar os números de pré-vendas, você pode estimar a demanda esperada e ajustar seus níveis de produção e estoque de acordo. Ajudando assim a otimizar o gerenciamento de estoque e reduzindo o risco de excesso ou falta de estoque. Ajuda as empresas de CPG a economizar receitas e despesas gerais.

4. Engajamento e fidelização do cliente

A pré-venda oferece uma oportunidade de interagir diretamente com seus clientes. Você pode construir fidelidade e conexão envolvendo-os no processo de lançamento do produto. Os clientes que participam na pré-venda podem sentir um sentimento de propriedade e tornar-se mais propensos a defender o produto, impulsionando mais vendas através do marketing boca a boca. Ele prevê o desempenho do seu produto no mercado entre os clientes.

Embora a pré-venda possa ser uma estratégia poderosa, planejar e executar é tedioso, mas essencial para que funcione. Para as empresas de CPG que procuram expandir a sua linha de produtos, esta é uma forma segura de impulsionar as vendas através de distribuidores e lojas de retalho que já conhecem e confiam nas suas marcas.

Se a sua empresa de CPG deseja aprimorar ou expandir seus recursos de pré-vendas, considere conversar com nossa equipe de vendas. Agende uma Demonstração para ver nossos recursos em tempo real.

Compartilhar isso

Postagens recentes

Um guia completo para solução de otimização de rotas para empresas de bens de consumo

O jogo dos bens de consumo tem tudo a ver com velocidade e eficiência! E é aqui que a Otimização Dinâmica de Rota (DRO) está aqui para aprimorar seu jogo.

De olho nos corredores: superando barreiras para o sucesso do reconhecimento de imagem no varejo

O mercado de varejo de soluções de IA aumentará para $23,32 bilhões até 2027, de $5,06 bilhões em 2021, e especialmente visão computacional

Promoções comerciais decodificadas: estratégias para crescimento sustentável para empresas de bens de consumo

As promoções comerciais na indústria de bens de consumo são cada vez mais impulsionadas por avanços e inovações tecnológicas.

pt_BRPortuguese